terça-feira, 5 de junho de 2012

“A NOSSA MAIOR GLÓRIA NÃO RESIDE NO FATO DE NUNCA CAIRMOS, MAS SIM EM LEVANTARMO-NOS SEMPRE DEPOIS DE CADA QUEDA”. (Confúcio)

Essa frase sintetiza o sentido da motivação. Podemos cair, sim, muitas vezes na vida. Mas o valor está em nos levantar após cada queda, firmes no propósito, perseverantes na esperança de alcançarmos a nossa tão sonhada meta.
Confúcio foi um filósofo chinês que viveu há cerca de 2.500 anos e seus pensamentos mantêm-se atuais, exortando as pessoas a governarem pela virtude interior. Seus escritos e biografias são lidos pelas escolas de Gestão mais famosas do mundo. Seu modo de vida, seus ensinamentos, sua peregrinação fizeram dele um ícone de motivação, liderança e grande persistência na realização dos sonhos, tanto no mundo oriental como no mundo ocidental.
Mas vamos nos ater à frase. O verdadeiro valor do ser humano não é evitar as quedas ao longo da vida, mas sim ter força e a vontade em se levantar. Não nos importemos em cometer erros; errar faz parte da vida. Errar é humano. Aprender com os erros, essa é a mensagem principal. Mantermo-nos receptivos aos acontecimentos, cultivarmos a automotivação diariamente para enfim, chegarmos à reta da chegada da existência com o corpo marcado pelas quedas, arranhões, mas com o coração e o espírito inabaláveis qual rocha, tendo consciência de que valeu a pena lutarmos pelos nossos ideais, pelos nossos sonhos. Como diz o provérbio hindu: “é na queda que o rio cria força”, é na dificuldade, nos percalços do caminho que resgatamos a motivação para liderarmos a nós mesmos e inspirarmos outras pessoas ao nosso redor.
Pense bastante nisso, amigo leitor. Nós só analisamos retrospectivamente os fatos da vida no campo “erros”, e não nos acertos. Não se sinta incomodado se erras, pois nós somente ganhamos experiência e buscamos o aperfeiçoamento com os erros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário